-->

terça-feira, 9 de dezembro de 2008

Algumas medições de consumo de energia.

Todas as medidas foram feitas com um PMM2010.

Quando uma medida mostrar "X a Y" significa que o PMM2010 ficou oscilando entre os dois valores. É importante lembrar que o PMM2010 tem uma resolução de 10W.

Televisores (todos coloridos, CRT)

Para fazer uma comparação precisa de consumo de TVs seria preciso usar um DVD de teste, calibrar todas as TVs e exibir sempre a mesma imagem em todos os testes, pois o consumo depende do brilho, contraste, volume, etc. Eu medi as TVs do jeito que estavam, exibindo o que quer que estivessem exibindo, por isso ignorem pequenas diferenças de consumo.

  • TV Philips 29" 29PT8422 - 110 a 120W
  • TV Sony 29" KV-29FS110 - 90W
  • TV LG 29" CP29K30A - 80W
  • TV Philips 21" CT7470 - 60W
  • TV Philco 14" PCM-1446 - 50W
  • TV SEMP 14" TV1483FAV - 30 a 40W
  • TV SEMP 20" TV2070E - 30W

Mesmo sem ter uma metodologia precisa de teste, uma coisa fica clara na lista acima: Eu posso economizar uma quantidade razoável de kWh mensais se usar minha 29PT8422 apenas para assistir filmes e colocar a TV1483FAV na bancada para assistir às besteiras do dia-a-dia na TV aberta. E, estranhamente, tenho uma TV de 20" que consome menos que as de 14"!

Monitores CRT
  • Samsung 753V - 60 a 70W
  • Samsung 793V - 50 a 60W
  • LG 710E - 60 a 70W

Computadores

  • Meu servidor PC-Chips M810, Duron 950 com um HDD e fonte vagabunda - 70 a 80W
  • Celeron 400, PC-Chips, um HDD e fonte vagabunda - 40 a 50W
  • HP Pavilion A6015BR - 70W
  • Athlon X2 2500+ com placa de video onboard, um HDD e fonte vagabunda - 50W
  • Sempron 2300+ com ATI 9550, 1GB, fonte vagabunda e 1HDD - 100 a 110W
  • Mesmo PC acima com 4 HDDs - 130 a 140W
  • Mesmo PC acima ligado a um estabilizador parece consumir 10W a mais.
Em outro post eu vou elaborar mais a respeito dessas medições em PCs. No geral, essa é a medição com o PC em idle, pouco depois de terminar a carga do Windows.

Aparelhos diversos
  • No-Break Microsol Stay 600 NET - 10W sem carga alguma.

Publicarei outros testes quando reunir as informações.

8 comentários:

  1. Atualmente utilizo um monitor LCD de 19 da LG. Quero ver o resultado com os monitores LCD depois...

    Quando voce faz o teste, voce deixa ligado por um tempo, como é?

    ResponderExcluir
  2. Muito interessantes os números!

    Aposto que aquela tia chata (todos têm uma, né) que diz pro cara não deixar o computador ligado de madrugada (fazendo download) não sabe que ele pode consumir menos do que uma lâmpada de 60W.

    A resolução de só 10W me dói só de ler o texto desse post. Seria tão legal se você de 0,1W. Hehehe.

    ResponderExcluir
  3. Tiago,

    Eu deixo ligado por uns poucos minutos enquanto observo.

    ResponderExcluir
  4. Marcos Ling11/12/08 06:54

    Seria interessante se a maioria dos aparelhos que costumam devorar energia viessem com um "termômetro" para medir o consumo.

    ResponderExcluir
  5. Intruder A611/12/08 21:10

    Fiz um teste com um Philips LCD de 32", e dependendo da luminosidade as vezes gasta só 60W ( é isso uma das coisas que adoro nas TVs LCD ), mas com mais brilho passa dos 100W.

    Com os monitores LCD acontece a mesma coisa, por exemplo, no meu LG L 1970 HR de 19" gasta 20W no modo de brilho que fica confortável para a minha vista, mas com brilho mais intensos o consumo sobe bastante.

    ResponderExcluir
  6. 20W no modo 'confortável' um monitor LCD 19"???? Pôxa!!! O troço é enconômico, hein! Se for proporcional, o meu (24") deve consumir uns 25W~30W neste modo. Eu achei que era mais... Sei lá, uns 60 ou 70 watts.

    Pessoal, é válido medir o consumo usando um multímetro? A medição é mais ou menos a mesma do que estes aparelhos que vocês estão falando?

    Eu usaria ele no modo 'amperímetro', colocaria só um terminal do aparelho a ser medido na tomada, e o outro terminal eu ligaria passando pelo multímetro, medindo a corrente. Aí pegaria esse valor (A) e multiplicaria pela tensão da rede (V).

    O que eu estaria achando é a potência aparente (VA), certo?

    Pra medir consumo de uma televisão, por exemplo, tem muita diferença medir a potência aparente da ativa (W)?

    Não consegui entender muito bem essa diferença, só entendi que é bem mais complexo medir a ativa.

    ResponderExcluir
  7. Rafa,

    Sim, com um multímetro você consegue medir potência aparente, mas até para fazer essa medida corretamente você precisa de um multímetro TRUE RMS, que sai mais caro que um wattímetro.

    Sabendo qual a potência aparente você sabe que pelo menos mais que aquilo você não está gastando, mas pode estar consumindo bem menos (às vezes até metade), dependendo do fator de potência da carga.

    Eu não tenho como lhe dizer qual a relação aparente/ativa das TVs. Saber disso significaria saber qual o fator de potência das TVs e não creio que esse valor esteja nem perto de ser fixo.

    Colocando a coisa de outra forma: eu aceitaria cobrar energia de alguém baseado na medição feita com multímetro. Mas não aceitaria pagar. :)

    ResponderExcluir

Siga as regras do blog ou seu comentário será ignorado.