-->

quinta-feira, 4 de setembro de 2008

Eu não sirvo mesmo para explicar o básico

Eu estava tentando explicar ao usuário algumas noções simples de segurança contra malware. Tentei ser bem rasteiro, porque já percebera que o indivíduo não ia absorver nenhum conceito complexo e fui explicando sobre se basear na extensão do arquivo para identificar o que podia ou não ser uma ameaça.

Depois de um tempo explicando e o usuário parecendo entender, a surpresa: por "extensão" o usuário estava entendendo algo como o "comprimento" ou o "tamanho" do arquivo. E olha que eu tinha habilitado a exibição de extensões e estava apontando com o dedo para as letrinhas na tela dizendo ".doc", ".exe", etc.

Por um momento eu entrei em pânico. Sério. Não sabia mais o que dizer. Eu entendo que fora do contexto da informática "extensão" tem outros significados, mas você precisa examinar tudo o que você diz ou escreve eliminando esse contexto para poder perceber como poderia ser entendido por quem não entende do assunto. E para mim simplesmente não dá.

Eu teria que explicar que "diretório" não tem nada a ver com partido político, antes de poder avançar no assunto. É muito para a minha cabeça.

10 comentários:

  1. 'Eu teria que explicar que "diretório" não tem nada a ver com partido político'

    Hahahahahahahahaha!!!!!

    Explicar essas coisas... Tem vezes que...

    Olha... é brabo!

    ResponderExcluir
  2. Por situações assim, foi que deixei de ministrar aulas de informática por uns 8 anos. Ano passado voltei a dar aulas, mas, para quem vai fazer concursos, e já vou logo avisando:

    - Vá ao google e digite, "define:escreva a palavra" e por via das dúvids, exemplifico no PC

    ResponderExcluir
  3. É por isso que desisti dessa vida de técnico amador. Quando as pessoas me perguntam algo relacionado a computador, se não for alguém importante como a namorada ou a mãe, já tasco um "não sei" e fim de papo :P

    ResponderExcluir
  4. Marcos Ling4/9/08 21:41

    Realmente é difícil explicar esse negócio de extensão...
    Se ainda existisse um curso de DOS, seria bom... pois acho que hoje em dia não explicam mais isso em cursos de informática. Até o próprio windows "esconde" por padrão as extensões dos arquivos (deve ser para não complicar).

    ResponderExcluir
  5. prefiro sempre ficar só na leitura,pois tenho aprendido muito por aqui,mas dessa vez é pra matar, hahhaha,bah ta loco

    ResponderExcluir
  6. Nunca ocorreu com vocês de algum parente (geralmente um tio) ou amigo bem longe da área de informática, o cidadão está com problemas no seu PC e solta essa: "Juliano, o meu computador tá lento pra caramba e vive travando. Você sabe o que é?" Eu respondo: "Pode ser várias coisas, mas, assim, de supetão eu não saberia dizer". Daí vem a tão famosa réplica: "Mas você não fez faculdade de informática? Não estudou sobre computadores? Ficou fazendo o que na faculdade 4 anos?" Nessas horas eu gostaria de ser um advogado.

    ResponderExcluir
  7. JotaJota6/9/08 10:06

    @Juliano

    No caso, eu diría:
    - O defeito está no burrinho central ou entre o teclado e a cadeira. ;-)

    jj

    ResponderExcluir
  8. Ainda bem que informática já está sendo mostrada na maioria das escolas desde cedo. Acredito que assim as próximas gerações vão sofrer bem menos do que nós.

    []'s
    Daniel

    ResponderExcluir
  9. Agora vcs imaginem o seguinte:
    Falei pra uma amiga que pra consertar o celular dela precisaria limpar os contatos e ela assustada me respondeu:
    - Tá louco !?!?! E como é que eu vou cadastrar tudo de novo ???
    A anta tava pensando que eram os nomes/telefones cadastrados !!!
    Abçs !!!!

    ResponderExcluir
  10. Descobri o Blog agora. Estou adorando, já está no meu Favoritos.

    Isso é "O" pior.
    Irrita muito. Não sirvo para explicar coisas simples para alguém. Só se for de igual-para-igual.

    Sem falar que tem gente muito lerda.

    Abraços.

    ResponderExcluir

Siga as regras do blog ou seu comentário será ignorado.